Notícias


Reunião Cidinha 22.03 1
22/03/2022

SINSERPU-JF mostra preocupação com o futuro da EMPAV

     Durante a reunião mensal com a secretária municipal de Governo, Cidinha Louzada, na manhã desta terça-feira (22 de março), os diretores do SINSERPU-JF mostraram preocupação com o futuro da EMPAV. “A diminuição no quadro da empresa, hoje com apenas 190 funcionários, pede com urgência a realização de um concurso público”, afirmou o presidente do Sindicato, Francisco “Chiquinho” Carlos da Silva. “Nosso temor é com a pouca capacidade de produção da EMPAV, que vai, um dia, impactar no faturamento da empresa”, completou o diretor financeiro do SINSERPU-JF, Vanilson Gomes, que citou ainda, como aspecto negativo, a excessiva terceirização, de pessoal e de caminhões. “Terceirizar quebra o ciclo de carreira, no caso do pessoal, e não é mais vantajoso que adquirir equipamentos, no caso dos veículos”, argumentou.
 
     Presente à reunião, o diretor-presidente da EMPAV, Richard Tavares, pediu, no entanto, “cautela” em relação ao concurso público. Segundo ele e Cidinha Louzada, “antes do concurso é preciso regulamentar a situação da EMPAV na Lei das Estatais”, pois isso “pode abrir possibilidades de novos contratos, inclusive com a iniciativa privada”. Richard Tavares voltou a citar, para os sindicalistas, a confecção contratada de uma Auditoria, sobre a real situação financeira da empresa, acrescentando que tal relatório deve estar concluído em 20 de abril.
 
     Também participaram da reunião a diretora-presidente do DEMLURB, Gisele Teixeira – a quem foi cobrado a situação das contratações no Departamento e sugerido, pelo diretor administrativo do SINSERPU-JF Amarildo Romanazzi, que o DEMLURB invista em uma usina de reciclagem de lixo, além de convênios com a Saúde e a CESAMA, para prestação de serviços diversos – e representantes da Secretaria Municipal de Saúde.
 
     A estes, os diretores do SINSERPU-JF Cleriomar dos Reis e Deise Medeiros fizeram relatos de vários problemas no setor de Saúde do Município (inclusive falta de medicamentos que podem salvar vidas) e solicitado a instalação de dois Grupos de Trabalho que discutiriam questões urgentes: processo seletivo interno (promoção de auxiliar de enfermagem I para II) e a extensão de jornada nas UBS (Unidades básicas de Saúde). Essas comissões foram anunciadas, pela Administração Municipal, no dia 31 de janeiro, mas nunca saíram do papel.
     “O Sindicato já protocolou, na Prefeitura, ofícios pedindo a instalação desses Grupos de Trabalho”, informou Francisco Carlos, que aproveitou a oportunidade para comunicar aos gestores municipais a expectativa de alta adesão dos servidores à Assembleia do dia 30 de março, sobre a Campanha Salarial 2022. “Continuamos com o compromisso do diálogo, da justiça e da verdade, para a melhoria de qualidade de vida dos servidores”, afirmou o presidente do SINSERPU-JF.
Reunião Cidinha 22.03 2 Reunião Cidinha 22.03 3

Outras notícias

19/05/2022
AMETA agradece apoio do SINSERPU-JF à Semana da Enfermagem

A presidente da AMETA (Associação dos Servidores Públicos da Saúde de Juiz de Fora), Cristina Maria [...]

17/05/2022
SINSERPU-JF volta a defender funcionários da Prefeitura oriundos da AMAC

Durante Audiência Pública realizada na Câmara Municipal, na tarde desta terça-feira (17 de maio), o SINSERPU-JF [...]

17/05/2022
Prefeitura reafirma que divulgará cronograma da progressão de letras em 3 de junho

Durante reunião na manhã desta terça-feira (17 de maio), o secretário de Recursos Humanos da Prefeitura, [...]

Nossos Convênios

Confira todos os convênios participantes e aproveite!