Notícias


Audiência Canil 3
26/08/2021

SINSERPU-JF defende melhorias nas condições de trabalho dos servidores do Canil Municipal

Durante Audiência Pública na Câmara Municipal de Juiz de Fora, na tarde/noite desta quinta-feira (26 de agosto), o diretor de Comunicação e Cultura do SINSERPU-JF, Joaquim Tavares, pediu que qualquer mudança que venha a ser feita no Canil Municipal seja acompanhada de melhorias nas condições de trabalho dos servidores. “Não é possível falar do Canil e dos animais sem falar nos trabalhadores que lá atuam. São coisas que andam juntas. Se o servidor tiver boas condições de trabalho isso vai reverter naturalmente para o bem estar dos animais”, disse o sindicalista, que ressaltou a importância da causa animal na sociedade e o apoio do SINSERPU-JF ao tema.

O SINSERPU-JF tem um longo histórico de defesa do Canil Municipal e das boas condições de trabalho no local. Prova disso foi a exibição, durante a Audiência, do Jornal do Sindicato de junho de 2012, com denúncias da situação deplorável da época (veja reprodução abaixo).

Defesa esta que continua. Joaquim Tavares apresentou, na reunião desta quinta-feira, três reivindicações apresentadas recentemente pelos servidores: a construção de uma cisterna (para acabar com a crônica falta de água) e melhorias na iluminação do entorno do Canil e no serviço de telefonia que cobre o local.

O outro representante do SINSERPU-JF na Audiência, Amarildo Romanazzi, depois de pedir atenção para todos os envolvidos na questão (animais, funcionários do canil e protetores), defendeu um controle, pela Prefeitura, dos proprietários dos animais e uma punição, monetária, para quem “descartar” os bichos nas ruas. “Hoje o Canil não suporta abrigar a quantidade de animais que são abandonados”, constatou. Além de sindicalista, Amarildo Romanazzi é conhecido também como protetor de animais.

Da Audiência, proposta pela vereadora Kátia Franco (PSC), participaram, entre outros, representantes das secretarias municipais de Governo e da Saúde, do DEMLURB e do Ministério Público, além de várias pessoas que dedicam suas vidas ao cuidado com os animais.

Sobre a reunião, o presidente do SINSERPU-JF, Francisco “Chiquinho” Carlos da Silva, observou: “No mundo de hoje há um desrespeito ao ser humano.  Precisamos valorizar o ser humano, que é quem cuida do animal e merece todo o nosso respeito.  Esperamos que não falte diálogo nesta demanda. Ganhará o ser humano, o animal e principalmente a sociedade”.

Audiência Canil 4

Jornal Canil 1 Jornal Canil 2


Outras notícias

22/02/2024
Funcionários da PJF oriundos da AMAC: SINSERPU-JF e Administração Municipal vão ao Ministério Público

Após nova reunião, na manhã desta quinta-feira (22 de fevereiro), permanece o impasse entre a Administração [...]

22/02/2024
Novas cenas de desrespeito a servidores da UBS de Vila Ideal

Aconteceu de novo. Depois das graves agressões verbais e ameaças físicas a enfermeira Amanda Araújo na [...]

22/02/2024
Três chapas disputam as eleições no SINSERPU-JF  

Terminado o prazo, nesta terça-feira (20 de fevereiro), três chapas estão inscritas para as eleições no [...]

Nossos Convênios

Confira todos os convênios participantes e aproveite!