Notícias


SO
16/12/2020

Após morte de funcionário, por Covid-19, servidores da Secretaria de Obras cruzam os braços e exigem condições seguras de trabalho

Após a morte, por Covid-19, de um companheiro (Paulo Roberto de Souza Lima), os servidores da Secretaria Municipal de Obras (SO) cruzaram os braços, na manhã desta quarta-feira (16 de dezembro), e exigiram condições mais seguras de trabalho. O SINSERPU-JF esteve no local – com o vice-presidente Cosme Nogueira, o diretor financeiro Antônio Carlos de Sant’Ana, o diretor de Base David Rosa da Silva e o conselheiro fiscal Luciano Rodrigues dos Reis – e acompanhou as reivindicações dos trabalhadores. Eles querem revezamento entre as turmas de trabalho, para evitar aglomerações, o uso do aparelho que mede a temperatura e banheiros com condições apropriadas para a higiene necessária em tempos de pandemia. A paralisação deu resultados e foi criada uma comissão para dar andamento às reivindicações dos trabalhadores.

“Relatei ao secretário municipal de Obras, Amaury Couri (que esteve pela manhã no local), que a paralisação dos trabalhadores de hoje já era uma tragédia anunciada, pois o Sindicato já vem denunciando as precárias condições há muito tempo e nada foi feito para resolver a situação. Precisou que uma vida fosse ceifada para se tomar uma medida protetiva”, afirmou Cosme Nogueira, que também entrou em contato com a secretária municipal de Administração e Recursos Humanos, Andréia Goreske, para tratar do assunto. “Ela garantiu a possibilidade de que as pessoas com mais de 60 anos ou que possuam comorbidades fiquem em casa, bastando para isso apresentar atestado ou uma autodeclaração”, disse o sindicalista.

Ao final do protesto foi realizada uma Assembleia, que aprovou os encaminhamentos. Os trabalhadores foram dispensados (ficando na SO apenas uma equipe de plantão). A comissão formada para tratar da questão e avaliar, se atendidas as reivindicações, a volta aos trabalhos é composta pelos sindicalistas David Rosa e Luciano Rodrigues e mais Dario da Silva Filho e Fagner Crepe dos Santos. “Essa equipe se reunirá durante todo dia com representantes da Secretaria para elaborar o início e as formas deste revezamento, que terá alternância de horários, intercalados para os setores administrativo, almoxarifado e escritório”, informou Cosme Nogueira.

Também foram feitas homenagens e orações para Paulo Roberto de Souza Lima (foto abaixo), que em janeiro completaria 16 anos de serviços prestados na SO. O SINSERPU-JF se solidariza com os amigos e familiares de Paulo Roberto, que será sepultado às 15h desta quarta-feira (16 de dezembro), no Cemitério Parque da Saudade.

Paulo


Outras notícias

26/07/2021
Nota de Pesar

O SINSERPU-JF (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Juiz de Fora) cumpre o doloroso dever de [...]

24/07/2021
SINSERPU-JF volta às ruas, pelo fim do Governo Bolsonaro – Ato serviu também para defender o DEMLURB

Diretores do SINSERPU-JF participaram, na manhã/tarde deste sábado (24 de julho), de mais um ato pedindo [...]

22/07/2021
SINSERPU-JF discute forma de pagamento do PMAQ, que não é quitado desde 2017

Os diretores do SINSERPU-JF Francisco “Chiquinho” Carlos da Silva e Amarildo Romanazzi participaram, nesta quarta-feira (21 [...]

Nossos Convênios

Confira todos os convênios participantes e aproveite!