Notícias


dia do servidor público 2
27/10/2020

28 de outubro: algo a comemorar?

Dia 28 de outubro é o Dia do Servidor Público e como em toda data comemorativa o que se espera para este dia são atividades festivas enaltecendo a grandeza da data, mas no caso dos servidores públicos fica a pergunta: existe algo a comemorar? Não tenho nenhum receio em afirmar que a nossa categoria não tem nada a festejar. Muito pelo contrário, apenas lutas em curso. E essa data tem que ser um marco de referência e um ponto de partida para o enfrentamento em defesa da sobrevivência da categoria, face às ultimas investidas do Governo. Constatamos, com tristeza, que ao longo dos anos os servidores públicos vêm sendo perseguidos pelos adeptos da filosofia de ultradireita, defensores do Estado mínimo ou “Estado zero” – e neste contexto a sociedade conviverá com a ausência das ações do Estado perante o cidadão.
A proposta de Reforma Administrativa que o Governo Federal apresentou no início do mês de setembro comprova essa intenção do total desmonte, pois a Reforma Administrativa nada mais é do que a constitucionalização ou a legalização da transferência do setor público para o setor privado, fazendo valer os interesses das grandes corporações do capital e criar os feudos eleitorais de modo a sustentar as oligarquias no poder. Os defensores do desmonte dos serviços públicos usam a grande mídia para propagar a falsa imagem dos servidores para a sociedade, promovendo campanhas difamatórias que visam desqualificar a eficiência dos serviços prestados pelos servidores.
A maior crueldade se dá pela omissão da grande mídia em não mostrar a verdade e a real situação da categoria, pois a expressiva maioria dos servidores públicos no Brasil recebe baixos salários e convive com precárias condições de trabalho, além do assédio moral – prática abusiva que a grande maioria dos gestores faz uso.
Estamos vivendo tempos de mudanças e a pandemia do novo coronavírus está mostrando a importância dos servidores públicos na vida das pessoas, pois é nítida a vulnerabilidade e insegurança das pessoas diante de um quadro em que o setor privado não consegue enfrentar, comprovando assim a fundamental e necessária permanência das ações do Estado perante a sociedade.
Lutar para não se tornar extinto quando vagar. Este é, com certeza, o maior desafio dos servidores públicos no Brasil.
Boa Luta para os servidores, é o que desejamos. E os nossos parabéns para o sentimento de coragem que move essa preciosa categoria a exercer as suas atividades todos os dias.
Lutar sempre, se entregar jamais!

Cosme Ricardo Gomes Nogueira
Vice-presidente do SINSERPU-JF e presidente da FESERP-Minas


Outras notícias

22/01/2021
Aulas de Dança on line – Segunda do ano, em novo formato

Clique no link abaixo e assista mais uma Aula de Dança on line, a segunda de [...]

21/01/2021
SINSERPU-JF trata de concursos públicos e PDV em visita à EMPAV

         Concursos públicos, para as áreas administrativa e operacional, e o PDV (Plano [...]

21/01/2021
SINSERPU-JF participa da posse no Sindicato de Matias Barbosa

        O presidente do SINSERPU-JF, Francisco “Chiquinho” Carlos da Silva (na foto, à [...]

Nossos Convênios

Confira todos os convênios participantes e aproveite!